Você está aqui

Vamos falar sobre reeducação alimentar?

Crianças e idosos participam de atividades de conscientização com nutricionista da LBV

Com toda a agitação do dia a dia, muitas pessoas escolhem por uma alimentação mais rápida e prática, como comida fast foods, pré-prontas ou congeladas, trocando o alimento saudável pelo industrializado.

A falta de cuidado com o que ingerimos pode gerar sérios problemas de saúde, como diabetes, pressão alta, obesidade, para crianças, jovens e adultos.

Vivian R. Ferreira

Um estudo feito pela Organização Mundial da Saúde (OMS) em 2016, informou que no planeta 124 milhões de crianças e adolescentes entre 5 e 19 anos estavam obesos. Neste mesmo ano, o Ministério da Saúde publicou um estudo informando que no Brasil, o crescimento da obesidade se deu principalmente entre a população com baixa escolaridade, sendo 23,5% para pessoas com até 8 anos de escolaridade; 18,3% entre 9 a 11 anos; 14,9% aqueles que tem 12 ou mais anos de estudo.

Alimentar bem desde criança

Pesquisadores afirmam também que a chance de uma criança se manter obesa durante a vida adulta é alta, principalmente na adolescência com 80% de chances, pois os hábitos adquiridos quando jovem, caso não mudados, vão se perpetuar em seu futuro.

Thaísa Oliveira

Salvador, BA - Aprender e reproduzir o que aprendemos é muito bom! Atendidos experimentam sanduiches confeccionados por eles.

Uma alimentação saudável e equilibrada desde a infância ou a conscientização na puberdade é um dos primeiros passos necessários para o combate à epidemia do século XXI.

Nos Centros Comunitários de Assistência social da LBV na Bahia, o tema “Alimentação Saudável” é um dos preferidos dos atendidos, principalmente quando eles colocam a mão na massa e participam da atividade.

Atividade de conscientização

Durante nove dias, na unidade da Ribeira e Lauro de Freitas, foram desenvolvidas atividades reflexivas e oficinas sobre alimentação saudável com os atendidos. A atividade realizada pela nutricionista da LBV, Francisvana Ferreira, conduziu crianças e jovens a pensarem sobre a importância de uma alimentação equilibrada e saudável na prevenção de possíveis males futuros.

Thaísa Oliveira

Salvador, BA - Nutricionista Francisvana Ferreira orienta meninos e meninas na confecção de sanduíches.

“O bom hábito alimentar é capaz de reduzir o estresse, a ansiedade, melhorar o humor, prevenir problemas de saúde, circulação e o envelhecimento precoce. O ideal é sempre montar um prato colorido e variado rico em fibras”, explicou a nutricionista, que apresentou de forma lúdica a função de cada alimento na pirâmide alimentar, através de jogos e exposições, indicando quais deveriam ser ingeridos com maior frequência e quais deveriam ser evitados.

A educadora Thaísa Oliveira, da unidade da Ribeira, e o educador Renato Lima, de Lauro de Freitas, também participaram da dinâmica dentro da proposta das aulas da semana.

“Muitas crianças não comiam verduras. Depois da atividade começaram a comer mais verduras, principalmente folhas e frutas. Passaram a comer menos doces e em casa falam com as mães que refrigerante faz mal e preferem suco”, relatou o educador Renato Lima, e acrescentou: “muitos não conheciam o sabor das folhas e legumes, e dentro da interação lúdica com os jogos alimentares as crianças desenvolveram o gosto pelos alimentos”. 

Hora da comida SAUDÁVEL

Nesses dias, uma mesa foi colocada na sala com bandejas contendo diversas frutas e materiais como palitos de churrasco, potes, pães e talheres deixando a curiosidade de todos aflorada. “É pra gente comer ou a gente vai fazer alguma coisa?”, eles perguntavam interessados nos alimentos.

Rita de Cássia

Lauro de Freitas, BA - Crianças acompanham as explicações da nutricionista sobre a importância de ter uma alimentação saudável.

Todos ouviram atentos as instruções, as mesas foram dispostas em “L” e cada turma teve a sua vez. Enquanto a nutricionista passava com a bandeja de alimentos para iniciar a dinâmica, os nossos pequenos chefs mirins interagiam entre si sobre quem faria o melhor lanche. Ao final, aprenderam a fazer deliciosos lanches e a reaproveitarem as frutas de forma a evitar o desperdício. (Eu também quero!! \o/)

Dicas para todas as idades

A mesma atividade também foi realizada com os idosos do Programa Vida Plena e no Encontro de Famílias, alertando a todos sobre a importância de uma alimentação balanceada e saudável na vida de cada um.

“Ter uma alimentação saudável é primordial em todas as fases da vida, pois é o principal responsável pelo bom desempenho do nosso organismo, uma vez que precisamos da ingestão diária de nutrientes como vitaminas e minerais para a manutenção do corpo”, comentou a nutricionista Francisvana Ferreira.

#ficaadica ;)

Visite, apaixone-se e ajude a LBV! Em Salvador/BA, as unidades da LBV estão localizadas nos seguintes endereços:

Centro Comunitário de Assistência Social – Ribeira: Avenida Porto dos Mastros, 19 - Ribeira. Telefone: (71) 3312-0555.

Centro Comunitário de Assistência Social Idalina Cecília de Paiva: Rua Prof. Theocrito Batista, s/n, Itinga, anexo ao Centro de Atendimento Integrado à Criança e ao Adolescente (Caic) - (71) 3288-6149.