Você está aqui

Poupar no presente é garantir um futuro financeiro mais seguro

Integrantes do programa Aprendiz da Boa Vontade conheceram algumas formas de poupar suas economias.

Campinas/SP — Quando se deseja assegurar um futuro financeiro sem maiores empecilhos, é preciso pensar cedo em algumas formas de poupar rendimentos. A preocupação em planejar uma vida rentável é cada vez maior entre os jovens, e com razão. É fundamental que, logo no início da carreira, esse público saiba direcionar bem os seus gastos.

O raciocínio é bem simples: quanto mais cedo se economiza, maior será o montante disponível para que se tenha um envelhecimento pleno e ativo.

Pensando em ampliar o conhecimento dos jovens que participam do programa Aprendiz da Boa Vontade (PABV), a Legião da Boa Vontade (LBV) convidou o especialista em Planejamento Pessoal e Wealth Management, Gabriel Sardinha, para falar sobre previdência privada.

Talita Calusni

Campinas, SP — A palestra abordou diversos ramos ligados à previdência privada, o que ofereceu aos jovens noções de educação financeira, planejamento pessoal, renda ativa e passiva, juros compostos e entre outros.

Na oportunidade, os participantes esclareceram dúvidas, compreenderam a importância de economizar dinheiro, aprenderam sobre previdência aberta e fechada, juros compostos, renda ativa e passiva, Vida Gerador de Benefícios Livres (VGBL) e Plano Gerador de Benefícios Livres (PGBL).

A jovem aprendiz Daiane Espelho, de 18 anos, compreendeu bem a complexidade do assunto tratado e concluiu: "Saber investir no lugar e no tempo certo fornece uma estabilidade e confiança gigantescas. Achei a palestra incrível. Cada detalhe mencionado deixou bem claro a importância de saber o que fazer com o dinheiro em mãos", disse. 

Já o jovem Marcos Rogério Nogueira, de 20 anos, arriscou estabelecer algumas metas de vida e fez questão de compartilhar suas ideias: "Fazer um planejamento dos gastos em relação à renda mensal, abrir uma poupança bancária e uma previdência privada e evitar gastos paralelos desnecessários aos compromissos já assumidos", ressaltou.

Talita Calusni

Campinas, SP — O especialista Gabriel Sardinha e alguns dos jovens que integram o programa Aprendiz da Boa Vontade.

O palestrante Gabriel Sardinha também enfatizou quão essencial é a educação previdenciária: "É um investimento que trará conforto no futuro na forma de renda. Esse é um tema que permite adentrar em outros tópicos da educação financeira, como gestão de caixa e até mesmo imposto de renda. Se todos esses jovens começarem a pensar agora no futuro, tenho certeza de que terão e poderão oferecer uma vida melhor para suas famílias", observou.

Programa Aprendiz da Boa Vontade

O programa Aprendiz da Boa Vontade tem por objetivo qualificar jovens inseridos no mercado de trabalho como aprendizes e, para isso, desenvolve seus talentos e conhecimentos, suas habilidades e competências.

Vivian R. Ferreira

Licenciada pelo Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) para a execução deste serviço socioassistencial, a LBV é responsável pelo acompanhamento pedagógico e social do aprendiz, por meio do seu curso de formação previsto na Lei no 10.097/2000.

O programa prevê atividades socioeducativas e acompanha as atividades práticas do aprendiz na empresa. Oferece qualificação profissional ao adolescente e ao jovem, segundo as diretrizes previstas no ECA, na CLT e nas normativas para execução de programa de aprendizagem profissional.

Conheça mais sobre esse trabalho realizado pela Legião da Boa Vontade, acessando: www.lbv.org/aprendiz