Você está aqui

Personalidades parabenizam a LBV pelos 71 anos de trabalho solidário \o/

Legião da Boa Vontade (LBV), no dia 1º de janeiro de 2021, completou 71 anos de fundação ajudando àqueles que precisam. Em ocasião dessa data especial, diversas personalidades deixaram o seu agradecimento, parabenizando o diretor-presidente da LBV, José de Paiva Netto, e a Instituição, pelos anos de trabalho solidário, que beneficia milhares de pessoas pelo Brasil e pelo mundo.

17º Batalhão de Polícia Militar do Estado do RJ

Em ofício, o Comandante Augusto Eduardo Moreira Valentim, do 17º Batalhão de Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro (Ilha do Governador), endereça à Legião da Boa Vontade os votos de sucesso e o agradecimento nas ações de parceria realizadas em favor dos que mais precisam.

Ilmo Diretor Presidente,

O Décimo Sétimo Batalhão de Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro - Ilha do Governador parabeniza a Legião da Boa Vontade, na figura de seu ilustre Diretor Presidente, Jornalista e Educador José de Paiva Netto, por seus 71 anos de solidariedade e benfeitorias pelas diversas regiões do Brasil, criando oportunidades para que milhares de pessoas possam mudar a realidade em que vivem.

Agradecemos a parceira findada por esta instituição e desejamos sucesso pelo caminho. Que possamos ter mais homens e mulheres de boa vontade pelo mundo, para irradiarmos amor ao próximo, solidariedade e empatia, em busca de um mundo melhor.

Atenciosamente,
Augusto Eduardo Moreira Valentim - TEN CEL PM COMANDANTE
17º Batalhão de Polícia Militar

Márcio Romano, subsecretário de Defesa Civil do Estado do RJ

Reprodução/Portal DefesaCivil

O coronel Márcio Romano Correa Custódio, subsecretário de Defesa Civil do Estado do Rio de Janeiro, parabenizou o diretor presidente da LBV, José de Paiva Netto, pela celebração dos 71 anos de trabalho da Instituição.

O subsecretário agradeceu também todo o apoio da LBV e da Super Radio Brasil (940 AM) nas ações de auxílio ao Estado do RJ. Confira o ofício da Secretaria Estadual de Defesa Civil do Estado do Rio de Janeiro, enviado pelo coronel Márcio Romano Correa Custódio:

"Ilustríssimo Senhor Jornalista e Educador
José de Paiva Netto
Diretor-Presidente da Legião da Boa Vontade – LBV
Senhor Diretor-Presidente,

Cumprimentando-o cordialmente, sirvo-me do presente a fim de parabenizá-lo pelos 71 anos de existência da Legião da Boa Vontade, a completar-se no próximo dia 1º de janeiro de 2021.

Entidade de grande relevância nacional nas áreas da educação e da assistência social, a LBV vem sendo uma das mais importantes parceiras da Secretaria de Estado da Defesa Civil e do Governo do Estado do Rio de Janeiro, por meio da REDE SALVAR, no atendimento às causas humanitárias que envolvem as respostas aos desastres.

Venho agradecer a parceria de longa data e externar a grande valia e importância da participação de sua entidade nos momentos que mais precisamos no auxílio à população do Estado do Rio de Janeiro.

Por fim, rogamos a Deus que abençoe os caminhos de tão nobre Instituição e que sigamos adiante na causa do bem.

Todos nós somos a Defesa Civil.

Respeitosamente,
Márcio Romano Correa Custódio – Cel BM QOC/94
Subsecretário de Estado de Defesa Civil"

Drª Elen de Freitas, Juíza de Direito do Tribunal de Justiça do RJ

A Juíza de Direito do Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro da Comarca de Três Rios, Drª Elen de Freitas, coordenadora do projeto Flor de Lotus e contribuidora do programa Empoderadas, parabenizou o diretor-presidente da LBV, José de Paiva Netto, e a Legião da Boa Vontade pelos 71 anos de relevantes serviços prestados.

Equipe LBV

A Drª Elen de Freitas (segurando a cesta de alimentos) na entrega de mais de uma tonelada em doações da LBV para mulheres vítimas de violência doméstica e de tentativas de feminicídio.

Amiga da Boa Vontade, Elen de Freitas afirmou: “Aproveito a oportunidade para parabenizar a LBV, na pessoa do diretor-presidente, o jornalista e educador José de Paiva Netto, pelos 71 anos de fundação em data próxima. A parceria com a LBV foi muito importante no trabalho junto às vítimas de violência doméstica, [uma vez] que com a pandemia a situação de vulnerabilidade de muitas delas se agravou. Receba assim minha gratidão”.