Você está aqui

O papel da educação na construção da Cidadania Solidária!

Conscientizar as crianças sobre os direitos e deveres do cidadão é garantir um futuro mais feliz.

Nova Friburgo/RJ — Criada para proteger milhares de mulheres, a Lei Maria da Penha é precursora no combate à violência doméstica, porém, os casos de feminicídio ainda são alarmantes no país.

Pesquisas realizadas no Estado do Rio de Janeiro apontam que em 40 casos registrados, 56,4% dos autores da violência eram conhecidos da vítima. Já em 44 casos, são 62% de homicídios por violência contra a mulher.

Para alertar sobre a importância da igualdade e o combate à violência doméstica, o Centro Comunitário de Assistência Social da Legião da Boa Vontade (LBV) garantiu uma tarde solidária às crianças atendidas pelo serviço de convivência Criança: Futuro no Presente!.

Ellida Mariane

As presenteadas emocionaram-se com o ato de carinho das crianças da LBV. ♥

As crianças criaram folhetos informativos para abordarem o assunto como estratégia de divulgação para a população, trazendo meios de prevenção e alertas sobre como agir nesses casos.

Na ocasião, o bairro de Olaria, em Nova Friburgo, foi o escolhido para a ação. Durante a atividade, os atendidos caminharam, juntamente com os educadores da LBV, distribuindo flores artesanais às mulheres que encontravam ao longo do percurso, demonstrando o respeito e a empatia, valores que são primordiais para a formação do cidadão.

“Muitas pessoas não sabiam, com detalhes, o motivo [pelo qual] a Lei Maria da Penha foi criada e como isso impacta a vida delas. Então, as crianças explicaram, abordaram sobre o assunto com propriedade e isso é muito bom. Nós entregamos os informativos e as flores, e os atendidos esclareciam quais os procedimentos que devem ser feitos, como buscar ajuda em casos de violência contra a mulher. Foi muito legal!”, declara Haroldo Vieira, educador social da LBV.

Ellida Mariane

As crianças distribuíram flores artesanais às mulheres que encontravam ao longo do caminho, demonstrando o respeito e a empatia, valores que são primordiais para a formação do cidadão.

Esse tema foi pauta na oficina de Cidadania Ecumênica e contou com a participação da patrulha Maria da Penha – Guardiões da Vida que trouxeram aspectos sobre como informar a sociedade sobre sua responsabilidade no combate à violência doméstica.

Vale lembrar que a LBV realiza encontros que garantem, às mulheres atendidas, palestras, dinâmicas, oficinas, debates e atividades reflexivas de qualidade que proporcionam meios eficazes de estimulo à autoconfiança, construção da estabilidade familiar e desenvolvimento de suas habilidades para o mercado de trabalho, fazendo com que se sintam valorizadas e respeitadas.

Você ajuda, a LBV faz! Em Nova Friburgo, o Centro Comunitário de Assistência Social localiza-se na Rua Júlio Antônio Thurler, 04 – Olaria. Telefone para contato: (22) 2522-5078.


*Com informações do Portal G1.