Você está aqui

LBV realiza oficina de Esperanto em São Paulo

A oficina foi gratuita e os participantes receberam o certificado de participação.

A Legião da Boa Vontade (LBV) realizou nesta sexta-feira, 23, uma oficina de Esperanto, língua internacional, reunindo dezenas de pessoas, de todas as idades, na capital paulista. O encontrou foi realizado no Centro Comunitário de Assistência Social Dr. Osmar Carvalho e Silva, em parceria com a Associação Paulista de Esperanto. A oficina foi gratuita e os participantes receberam o certificado de participação.

Laura Pedrotti

A oficina foi organizada em dois momentos: uma palestra sobre a origem, curiosidades do Esperanto e seu papel no mundo; e também uma aula introdutória com noções práticas da gramática da língua. Além disso, recebemos a participação especial de uma esperantista da Romênia, que compartilhou um pouco da sua experiência com a língua internacional em suas viagens a vários países.

Laura Pedrotti

E na parte da manhã, um grupo de esperantistas visitou o Conjunto Educacional Boa Vontade acompanhados da equipe da LBV. Eles conheceram de perto como a Pedagogia do Afeto e a Pedagogia do Cidadão Ecumênico, criadas pelo educador Paiva Netto, são aplicadas com os alunos, possibilitando uma educação ampla, formando "Cérebro e Coração".

Vivian R. Ferreira

POR QUE APRENDER ESPERANTO?

Aprender Esperanto — língua criada pelo médico e linguista polonês Lázaro Zamenhof, em 1887 — é bem fácil pela sua gramática rápida e prática. Ele tem o objetivo de servir de ferramenta de comunicação entre pessoas das mais variadas origens e nações, promovendo paz entre todos. É usado em viagens, intercâmbios culturais, congressos mundiais, na literatura, no ensino de outras línguas, na televisão, na internet e em transmissões de rádio. Saiba mais!