Você está aqui

LBV no combate à fome e ao frio em Goiás

Nos meses de junho e julho, Entidade percorreu 15 municípios goianos para assistir milhares de famílias de baixa renda.

O frio chegou mais intenso no Centro-Oeste do país e aumentou os desafios enfrentados por milhares de famílias goianas nesta pandemia do novo coronavírus.

Ciente disso, a LBV intensificou sua atuação humanitária e percorreu os municípios de Anápolis, Inhumas, Itapuranga, Itauçu, Araçu, Goianira, Damolândia, Santa Rosa de Goiás, Campestre de Goiás, Goianápolis, GoiâniaAparecida de Goiânia, Rio Verde, Catalão e Itumbiara para distribuir cobertores, cestas de alimentos não perecíveis, kits de higiene e limpeza e cestas com frutas, legumes e verduras.


Graças a você, entre junho e julho, beneficiamos mais de 1.650 famílias que se encontram em risco social e, devido à crise sanitária da Covid-19 e ao frio rigoroso, estão passando dificuldades.

Para Lidiane de Lima Naves, mãe atendida pela LBV em Anápolis, o cobertor chegou em um momento muito importante.

“Meus filhos são atendidos pela LBV há três anos e ela nunca deixou de nos ajudar, ainda mais agora, nesse momento crítico que estamos passando na pandemia. Só tenho que agradecer, pois, além dos alimentos, tem o cobertor que vai nos ajudar muito nesse período do frio”.

No bairro Parque Eldorado Oeste, localizado em Goiânia, a LBV distribuiu mais de 2,5 toneladas em doações, assistindo centenas de famílias.

“Se não fosse vocês, não teria nada para comer hoje, nem o leite para meus filhos. Recebi a cesta de alimentos, de verduras, o leite, produtos de limpeza e o cobertor, que vai ajudar muito. Se não fosse esse cobertor, a gente ia passar frio. Por isso, quero agradecer a todos que estão ajudando, que Deus abençoe a cada um que ajudou e retribua a todos vocês”, declarou Daniela da Silva Ribeiro.

Com a sua doação, é possível amenizar os impactos da pandemia na vida de famílias de Inhumas, como a da senhora Elizangela Rodrigues de Oliveira Borges, mãe dos pequenos Gabriel e Rafael, particopantes dos serviços sociais da Instituição.

“Eu tenho muito a agradecer ao pessoal da LBV, porque esses alimentos vieram em um hora boa, a gente não tem dinheiro para comprar. Obrigada por terem me ajudado muito, os meninos, às vezes, pedem alguma coisa e não tenho. Que Deus abençoe a cada um de vocês e que continuem com esse trabalho maravilhoso”, destacou, agradecida.

Em cada município percorrido pela equipe da LBV, é possível notar a alegria das famílias que levam para casa mais do que alimentos e itens de primeira necessidade: cada item distribuído vem carregado de esperança em dias melhores.


Desde que a pandemia do novo coronavírus foi declarada, intensificamos nossa atuação humanitária, visando amparar as famílias mais vulneráveis que foram fortemente afetadas pelos impactos socioeconômicos da pandemia da Covid-19.

Além disso, nosso trabalho socioassistencial prossegue, de forma remota, nas 82 unidades socioeducacionais, espalhadas pelo Brasil. Confira o endereço mais próximo de sua casa.

Para acompanhar outras ações sociais, siga a @LBVBrasil nas redes sociais.

+ Instagram
+ Facebook
+ Youtube