Você está aqui

Festival Peruano arrecada alimentos para LBV

Os alimentos arrecadados foram revertidos para as obras sociais da LBV no Distrito Federal. \o/

A Embaixada do Peru promoveu, no último sábado, 11, na capital federal, a 3ª edição do Festival Peruano. O evento ofereceu apresentações culturais, exposições fotográficas e de artesanato local, brinquedoteca, mostra de documentários, praça de alimentação com a gastronomia peruana e sorteio de passagens de Brasília para Lima, capital peruana.

E o ‘passaporte’ para participar dos sorteios promovidos no festival foi a doação de alimentos não perecíveis, que foram revertidos para as obras sociais da Legião da Boa Vontade (LBV) no Distrito Federal. \o/

+ Conheça o trabalho da LBV na capital federal

José Gonçalo
rgb(237, 237, 237);">Brasília, DF – O embaixador do Peru no Brasil, Vicente Rojas Escalante.

“O alimento arrecadado é para as crianças. As pessoas que vêm ao Festival, trazem voluntariamente produtos não perecíveis com muito carinho para elas. E eu estou bem contente com esta circunstância também”, afirmou o embaixador do Peru no Brasil, Vicente Rojas Escalante. 

Sobre o objetivo do evento, o embaixador declarou: “Esta é uma expressão do Peru, uma expressão cultural que tem a ver com a arqueologia, com a música, com a dança e com a gastronomia do Peru. É um evento que fazemos todos os anos pela Data Nacional do Peru”.

Manhã cultural e divertida

Vale destacar que as crianças atendidas pela LBV estiveram no evento e tiveram a oportunidade de conhecer mais sobre a rica cultura peruana. Uma manhã repleta de conhecimento e diversão!

“É uma oportunidade ímpar para as nossas crianças e adolescentes, entrar em contato com uma cultura diferente, assistindo vídeos do país, observando e conhecendo seus artesanatos, suas comidas típicas. Tenho certeza de que será um dia único para os nossos atendidos”, afirma a gestora social do Centro Comunitário de Assistência Social da LBV, Gláucia Ramos.

Para Paulo Gabriel, de 9 anos, foi uma experiência única: “Foi um passeio muito turístico, aprendemos e vimos as coisas e comemos as comidas peruanas. Eu gostei mais das comidas e das pinturas deles, que ficaram muito legais. Foi ótimo a LBV trazer a gente aqui”.

A pequena Vitória Raquel, de 8 anos, também contou sobre o passeio: “Muito legal, conheci muitas coisas diferentes. Vi os quadros dos pintores, artes, obras, desenhos. Eu gostei de várias coisas”.

No Distrito Federal, a Legião da Boa Vontade mantém duas unidades de atendimento: a Escola de Educação Infantil Alziro Zarur e o Centro Comunitário de Assistência Social. A Instituição trabalha pela formação integral das crianças, sempre promovendo parcerias e ações que integram ao conhecimento material o respeito que deve se estender a outros indivíduos e culturas.

Embaixador e Templo da Boa Vontade

Frequentador do Templo da Boa Vontade (TBV), o embaixador do Peru no Brasil conta que ficou sabendo do trabalho social da LBV ao visitar o monumento: “Estive no Templo da Boa Vontade e soube que vocês [a LBV] atendem crianças e que eu poderia conhecer [esse trabalho]. Então eu pensei que elas poderiam conhecer o que é uma Embaixada e conhecer a cultura do Peru e este festival é uma ótima oportunidade”.

Sobre o monumento mais visitado da capital brasileira, o embaixador compartilha como o conheceu: “Eu acredito que tenha uma energia que orienta a vida das pessoas. Um dia uma amiga do Peru me disse que vinha [à Brasília] especificamente para visitar o Templo da Boa Vontade. Ela me perguntou: ‘Você conhece? ’. E eu disse que não. A partir daí eu sempre vou ao Templo com meus amigos, com minha família. É um lugar muito, muito espiritual, e todos se sentem bem depois de visitá-lo, de refletir, tem uma energia particular... e graças a minha amiga, que me fez conhecer tudo isto”.

Conheça o Templo da Paz, uma das Sete Maravilhas de Brasília.