Você está aqui

Curso de robótica na escola da LBV

Instituição promove igualdade de gênero junto ao acesso a novas tecnologias

Diego Ciusz

Além do uso da plataforma digital e das oficinas no laboratório de informática, desde setembro de 2017 uma novidade empolga os alunos da 3ª série do Ensino Médio do Instituto de Educação José de Paiva Netto, em São Paulo/SP: o curso de Iniciação à Robótica. O projeto visa introduzir o segmento da robótica referente à programação de arduínos*, assim como estimular o raciocínio lógico, a criatividade e a investigação científica.

Vivian R. Ferreira
Paula Mayumi Siano, ex-aluna da 3ª série do Conjunto Educacional Boa Vontade.

A grade de conteúdos inclui classificação e montagem de robôs, edição de programas, programação de arduínos, aplicações práticas com controle de robôs utilizando infravermelho (IR) e Bluetooth, montagem avançada de robôs e de dispositivos e tipos e princípio de funcionamento de motores e de sensores. Entre os benefícios que o curso proporciona aos educandos estão o desenvolvimento de aptidões e de habilidades de trabalho em grupo, a aquisição de noções de algoritmos e o fomento da criatividade e da capacidade de resolução de problemas.

Paula Mayumi Siano, de 18 anos, participou da iniciativa e teve a oportunidade de montar dois protótipos de mecanismos automáticos, um movido a energia solar e outro feito de material reciclável. De acordo com a jovem, o curso favoreceu novas perspectivas da carreira que deve escolher. “Estou cogitando entre veterinária e medicina, e, nessas áreas, as tecnologias estão revolucionando. Com esse aprendizado que tenho na LBV, desejo ajudar as pessoas, como [criando] algum equipamento para [realizar] raios X”, afirmou.

____________________________________________
* Arduínos — Plataformas de prototipagem eletrônica de hardware livre e de placa única, das quais se criam ferramentas acessíveis, com baixo custo, flexíveis e fáceis de usar.