Você está aqui

Cuidados com a saúde dos olhos em crianças na idade escolar

Rede de parceiros ajuda crianças atendidas pela LBV no DF

Brasília, DF — Cuidar da saúde dos olhos é muito importante. Na infância, essa atenção deve ser redobrada por conta do desenvolvimento integral da criança.

Para se ter uma ideia, cerca de 20% das crianças em idade escolar apresentam problemas de vista, de acordo com levantamento do Conselho Brasileiro de Oftalmologia (CBO). A miopia é a campeã e já é considerada pela Organização Mundial de Saúde (OMS) a epidemia do século.

Por isso, pais, responsáveis e educadores devem estar sempre atentos aos sinais que a criança dá em relação à saúde dos olhos.

Pensando em auxiliar os pais que não têm condições de levar os filhos ao oftalmologista ou mesmo comprar óculos de grau, a LBV em Brasília conta com uma série de parcerias que possibilitam oferecer o cuidado necessário aos pequenos atendidos em seu Centro Comunitário de Assistência Social.

Joelma, de 10 anos, depende de óculos para as atividades mais simples do dia. Ela tem albinismo, uma condição causada por uma falha genética que afeta a produção de melanina. Por causa da deficiência de pigmentos, sua pele é extremamente clara e ela tem alguns problemas de visão, como estrabismo, astigmatismo e miopia. Graças aos parceiros da LBV, agora Joelma tem óculos feitos especialmente para ela, com lentes que escurecem no sol e que permitem um dia a dia mais confortável.

“Antes, quando estava sem óculos, não dava para eu enxergar direito e agora que eu estou [de óculos] dá para enxergar tudo. [Na Escola] eu sentava na cadeira e depois ia lá para frente do quadro para escrever, e agora posso ficar sentada escrevendo”, lembra a pequena. “É muito legal, muito emocionante”, disse.

Lina Silva
Futuro no Presente!, da LBV, foi beneficiada com uma consulta e óculos que tanto esperava.

Para a mãe, Janete Leite Nunes, a gratidão de ver a filha tendo suas necessidades atendidas graças ao apoio da LBV, é imensa: “Eu agradeço de coração [a pessoa] que deu os óculos para ela, porque eu não tenho condições, não teria como comprar”.

Além de Joelma, Janete tem mais três filhos com idade entre 1 e 14 anos de idade. A família mora em Águas Lindas de Goiás, a quase 50 quilômetros da unidade da LBV. Todos os dias ela precisa se deslocar para o Plano Piloto, onde a menina estuda [em uma escola pública] e onde trabalha como copeira num hospital. Com o apoio da LBV, Janete consegue acompanhar mais de perto a rotina da filha, que fica no contra turno escolar no Centro Comunitário da LBV.

REDE DE PARCERIAS SOLIDÁRIAS

O serviço social da LBV em Brasília articula com profissionais e empresários que acreditam nesta causa bem. “Conseguimos as parcerias para inserir não só crianças e os adolescentes, mas todos os familiares, dependendo da demanda”, conta a assistente social da LBV em Brasília, Soledade Queiroz.

Lina Silva

Joelma exibe, com orgulho, o óculos de que tanto necessitava. A atendida ganhou também a consulta graças aos cuidados da LBV.

A equipe multidisciplinar da LBV está sempre atenta nas oficinas e atividades oferecidas pela Instituição, observa os pequenos que estão tendo dificuldade para enxergar, e aí encaminha a criança para o atendimento oftalmológico com os profissionais parceiros.

O senhor Raimundo Nonato é proprietário do Stúdio Ótica, que fica pertinho da Unidade da LBV em Brasília. Após um contato com a equipe de serviço social da LBV, ele passou a colaborar frequentemente doando os óculos que são receitados pelos profissionais parceiros “Já [conhecia], entraram em contato e eu comecei essa parceria. Sempre que a gente pode, a gente ajuda!”.

Seja você também um parceiro da Legião da Boa Vontade. Em Brasília/DF, visite o Centro Comunitário de Assistência Social, localizado no SGAS 915, lote 74 - Asa Sul - (61) 3410-6015.