Você está aqui

Combate à poluição é tema de atividade na LBV =D

A Instituição aposta na conscientização das novas gerações para a construção de um mundo melhor.

Mogi das Cruzes/SP — O tema ‘poluição’ tem feito cada vez mais parte de nossa vida. Infelizmente, algumas pessoas acabam assumindo o papel de agentes causadores de seu aumento significativo em todo o planeta, outras optam por propor medidas de zelo e preservação do meio ambiente, na luta contra a poluição em todas as suas vertentes.

A educação ambiental é um dos caminhos para essa urgente mudança, proporcionando às novas gerações o conhecimento necessário acerca dos impactos que cada um pode causar, sejam eles positivos ou negativos.

Karina Sene

A atividade foi ministrada por integrantes do Serviço Municipal de Água e Esgoto (SEMAE) que estiveram na unidade da LBV para falar com as crianças e os adolescentes atendidos sobre o a importância do saneamento básico para a garantia da qualidade de vida dos cidadãos.

Por isso, a Legião da Boa Vontade (LBV) vem propondo às meninas e meninos assistidos pelo Criança: Futuro no Presente!, a oportunidade para refletir e buscar estratégias de atuar diariamente, por meio de ações sustentáveis, em benefício do nosso planeta.

Para enriquecer suas ações voltadas a esse tema, a Instituição contou com a imprescindível ajuda do Serviço Municipal de Água e Esgoto (SEMAE) do município, cujos integrantes ministraram uma palestra educativa ao público infantojuvenil da LBV. Na oportunidade, os participantes aprenderam como é realizado o tratamento de água e a importância do saneamento básico para a garantia da qualidade de vida dos cidadãos.

Karina Sene

As crianças e os adolescentes puderam refletir sobre a importância de estipular leis e medidas para conter a poluição do ar.

As crianças e os adolescentes trouxeram, a partir da mediação das técnicas do SEMAE, reflexões importantes, como a urgente postura de reciclar e descartar corretamente o lixo, drenar a água da chuva para o reaproveitamento em serviços domésticos, além de investir em tratamento de esgoto para que os rios e mares permaneçam sempre limpos.

A auxiliar de apoio administrativo no SEMAE, Bárbara Pagano, citou positivamente o objetivo da atividade: “Hoje nós estamos falando sobre como o saneamento básico está ligado ao combate à poluição. Procuramos envolver cada criança nessa temática, não só o que a prefeitura e o SEMAE fazem em relação a água e ao esgoto, mas o que cada um pode fazer para evitar a poluição. O resultado é um ambiente saudável para que tenhamos uma qualidade de vida melhor”, disse.

Após a parte teórica, os atendidos colocaram no papel aquilo que aprenderam durante o bate-papo. Todos puderam pontuar, por meio de seus desenhos, a problemática resultante da ausência de saneamento básico.

O atendido Nicollas Santos, de 8 anos, compartilhou com todos o seu aprendizado: “Não se deve jogar lixo nas águas, nem no chão, porque, quando chove, as águas vão direto para os rios e se tem lixo, os rios ficarão sujos. E a água que faz a gente sobreviver [deve] estar limpa”, comentou.

Karina Sene

Após o bate-papo, as crianças puderam registrar, por meios de desenhos e pinturas, todo o aprendizado que obtiveram durante a atividade.

A atendida Rayssa de França, de 12 anos, preferiu fazer uso de imagens para elencar algumas iniciativas de preservação da natureza: “Diante da imagem de um problema ocasionado pela falta de saneamento básico, pensamos nas possíveis causas e apresentamos sugestões de solução. Nossa imagem continha lixos que estavam em lugares inapropriados e sendo queimados, causando a poluição do ar. Pensamos que podemos evitar esses problemas com consciência fraterna”, ressaltou.

Vale destacar que ações socioambientais permeiam as oficinas artísticas e culturais da LBV, são desenvolvidos temas ligados ao não desperdício da água e nem de nenhum outro recurso natural, e ainda há o incentivo ao comportamento sustentável.

Visite, apaixone-se e ajude a LBV! Em Mogi das Cruzes, a Instituição está localizada na Estrada Akiji Kakeya, 22 – Bairro Porteira Preta. Informações pelo telefone: (11) 4796-1926.