Você está aqui

Na LBV, crianças aprendem sobre a arte do Mosaico

Para contar um pouco mais sobre a técnica, a garotada recebeu a mosaicista Cida Carvalho

Brasília, DF — Reunir diferentes cores e formatos em algo colorido e bonito... A arte dos mosaicos foi tema de um projeto desenvolvido com as crianças atendidas pela LBV no Centro Comunitário de Assistência Social mantido pela Instituição, na capital federal.

Karina Dametto

Brasília, DF - As crianças atendidas pela Legião da Boa Vontade no Centro Comunitário de Assistência Social tiveram uma atividade interativa com uma mosaicista.

Para contar um pouco mais sobre a técnica, a garotada recebeu a mosaicista Cida Carvalho. Na oportunidade, ela conversou com as crianças que quiseram saber tudo: quais materiais podem ser usados para o mosaico, como o material é colado... Tudo esclarecido, com carinho, pela profissional.

Karina Dametto

Brasília, DF - A mosaicista Cida Carvalho apresentou às crianças um pouco do seu trabalho.

“O mosaico é uma linguagem. A arte em si, seja o mosaico ou pintura, é uma maneira de você se libertar, se mostrar. Muitas dessas crianças têm coisas guardadas dentro delas, sentimentos, contextos de vida que elas não gostam muito de expressar, e quando elas têm a oportunidade de trabalhar com alguma coisa, pintura ou mosaico, elas conseguem passar isso numa linguagem. Elas expressam tudo o que sentem”, comentou Cida, sobre o papel da arte e o que ela pôde observar no trabalho da garotada.

Janine Martins

Ana Clara e Thayres também fizeram o mosaico na atividade desenvolvida no Centro Comunitário da LBV na capital federal.

O conteúdo está sendo trabalhado pela oficina de arte e cultura, em um projeto que visa despertar o gosto pela arte dos mosaicos. A educadora social Danyelle Fernandes explica cada passo: “Na primeira etapa, eu trouxe um projeto para despertar a curiosidade deles, trouxe obras e os artistas. Na segunda etapa, como muitos não têm internet em casa, a gente fez uma dinâmica, dentro de uma caixinha tinham os artistas, as obras e um pouco da história de cada artista. Depois dessa pesquisa, eles ficaram perguntando quando a gente faria, como seria fazer, como seria trabalhar com isso. Na terceira etapa, eles fizeram o mosaico de papel. Foi livre, e eles colocarem no papel o que estão sentindo, alguns fizeram uma árvore, um coração, um círculo, flores, muitas coisas”.

Karina Dametto

Brasília, DF — As crianças atendidas no Centro Comunitário de Assistência Social da LBV aprendem um pouco sobre mosaicos.

As crianças, além de aprenderem bastante, já mostraram criatividade por meio dos seus mosaicos. Francine Rodrigues, de 7 anos, comentou sobre a atividade: “É legal fazer os mosaicos, é bonito”. Para o Limarcos Kauã, que também tem 7 anos, o que chamou a atenção foi a variedade dos materiais que podem ser usados: “Foi muito bom aprender sobre mosaicos, porque pode fazer de tudo, de vidro, cerâmica, de tudo. Eu gostei mais do mosaico de vidro, porque tem uns brilhos”, contou. A Maria Eduarda Paes, de 9 anos, contou o que sentiu com a atividade: “Eu gostei! É legal e acalma, se você tiver com raiva é só fazer um”.

Janine Martins

Maria Eduarda Paes mostra, orgulhosa, o mosaico que preparou na atividade.

Conheça, apaixone-se e ajude a LBV! O Centro Comunitário de Assistência Social da Instituição em Brasília está na quadra 915, lote 74. Outras informações ligando (61) 3410-6015.